Provavelmente você já leu ou ouviu falar sobre persona diversas vezes. Mas nunca se preocupou em entende-la, não é mesmo? O que você não sabe é que ela é muito poderosa e pode auxiliar na identificação dos mais variados tipos de perfis com necessidades e expectativas distintas.

Por meio da persona é possível traçar características bem específicas sobre seu público e futuros clientes para o seu negócio. Ao final do processo você terá o perfil detalhado e completo do seu consumidor ideal. Isso vai facilitar a interação entre vocês.

Chamamos essa persona de personagem, visto que se trata da criação de uma “pessoa” fictícia, mas baseada em dados reais.

Talvez você ainda não esteja convencido da necessidade de elaborar um cliente ideal, pois acredita que já conhece seu público-alvo. Mas fique sabendo que você e seu negócio só tem a ganhar quando aprenderem o que é persona e como criá-la! Pode ser um processo trabalhoso e um pouco chato. Mas muito vantajoso para o seu estabelecimento.

Por que criar uma Persona? 

A sua empresa está em fase de expansão e quer atingir um determinado grupo de pessoas, mas elaborar, por exemplo, toda estratégia de marketing digital e de conteúdo focada em vários perfis de compradores completamente diferentes é praticamente um tiro no pé.

Dividir seu público em uma ou em algumas personas facilitará a identificar quem são os seus clientes, as preferências deles, com o que trabalham, entre outros fatos importantes para potencializar sua estratégia. Com essas informações, você consegue eliminar problemas, entregar melhores serviços, oferecer conteúdo de mais qualidade e direcionar campanhas para quem realmente interessa.

Diferença entre Persona e Público-Alvo

Enquanto no público-alvo definimos características gerais de um grande número de pessoas que apresentam potencial para se tornarem clientes, a definição de personas é muito mais limitada. Esses personagens são estabelecidos de uma forma específica com base nas características do público-alvo de uma forma geral.

A partir da elaboração de personas, as ações de marketing são executadas de uma forma muito mais direta. Elas são voltadas para satisfazer os desejos e interesses das personas, em específico, já que apresentam as características das pessoas que realmente consomem determinado produto ou serviço.

Ao definir público-alvo, são analisadas características como localidades geográficas, hábitos de consumo e comportamentais. Para ficar mais claro, confira a ilustração abaixo:

Persona é uma pessoa fictícia embasada em características reais obtidas dentro do público-alvo e da clientela já existente de uma forma geral. Ficando muito mais fácil entender de fato o que determinado potencial comprador busca. É uma estratégia pensada para uma pessoa em específico, com interesses semelhantes a um grupo mais generalizado daquele produto ou serviço.

Definindo a Persona

Agora que você já sobre o conceito de persona e as suas diferenças em relação ao público-alvo, chegou a hora de criar o seu personagem. Mas antes disso, é necessário refletir nas seguintes perguntas:

  1. Qual a idade dela(e)?
  2. Onde mora?
  3. Quais é o custo de vida e gastos mensais?
  4. Que tipo de assunto interessaria para ela(e) sobre o seu setor?
  5. Quais são as atividades mais comuns que ela(e) realiza?
  6. Qual o nível de instrução dela(e)?
  7. Quais desafios e obstáculos ela(e) enfrenta?
  8. Quais são os sonhos e desejos dessas pessoas?
  9. Quem influencia as decisões de compra dela(e)? – chefe, família, amigos?

Com esses dados iremos traçar os objetivos dessa persona, como ela se comporta, o que a motiva…Entre outros tipos de informação relevantes – quanto mais detalhado for o seu personagem, mais perto da realidade ele ficará.

Não vacile! 4 erros que devem ser evitados ao criar uma Persona

Infelizmente, durante o processo de construção, todos nós estamos suscetíveis a cometer falhas, o que pode atrapalhar e até mesmo reduzir a efetividade da persona. Para que isso não aconteça, alguns cuidados devem ser tomados. Confira:

  1. Comparar sua personal com um real cliente: Pode ser tentador basear suas personas no cliente que paga melhor ou naquele que é mais agradável. Mas, por favor, evite isso durante esse processo, Afinal, o seu mercado não pode ser representado por uma única pessoa. O desafio de construir uma ou mais de uma persona é chegar o mais próximo possível dos clientes atuais e potenciais consumidores.
  2. Não humanizar suas personas: Do que adianta saber o perfil do seu consumidor se você não consegue ter acesso as informações que definem os sonhos, objetivos, desejos ou até mesmo o que os motiva? É preciso dar um toque de humanização ao criar sua persona. Pois, são seres humanos reais que vão comprar de você, não é mesmo?
  3. Fazer suposições sobre suas personas: O primeiro erro que a maioria dos empreendedores cometem é criar um personagem baseado em suposição, informação falsa, opinião, intuição ou dados desatualizados. Pressupostos muito estreito como acreditar que seus clientes pertencem a apenas um segmento de faixa etária ou muito amplo como achar que sua audiência é composta por mulheres feministas ao redor do mundo..
  4. Nunca atualizar os dados das suas personas: Pessoas e tendências mudam o tempo todo. Se você não atualizar constantemente o perfil dessas personas, suas ações serão menos eficazes. Independentemente do mundo ao seu redor, é fato que sua empresa mudará com o passar dos dias – explorando novos mercados e oferecendo novos produtos ou serviços -. Para garantir que seu marketing continue sendo eficaz, reserve um tempo para rever suas informações pelo menos uma vez por ano, se não com mais frequência.

Fortalecendo sua estratégia

No artigo de hoje abordamos os pontos principais para que você se inspire, tenha as ferramentas certas e conhecimento para criar a sua persona. Claro que tudo parece ser mais simples e fácil no papel. Mas se você seguir as nossas dicas e trabalhar de forma estratégica, as chances de colher bons resultados no futuro é muito grande. 

Outro ponto importante é não deixar a sua persona morrer. Continue adicionando informações aos seus personagens a medida que você aprende mais sobre eles, para que você possa se concentrar mais em seu público-alvo com o passar do tempo. 

Espero que a matéria de hoje tenha te ajudado a entender sobre o que é e como construir uma persona de sucesso. Se você gostou, compartilhe esse texto nas suas redes sociais e deixe abaixo um comentário falando sobre o seu processo ao criar uma persona.

Nos vemos no próximo artigo. Até mais.